Tire suas dúvidas sobre cocôs e peidos aqui! \o/


FATOS sobre Cocôs

Do que é feito o cocô?

Cerca de 3/4 das suas fezes, em média, é água. Claro, este valor é altamente variável - o conteúdo de água de uma diarréia é muito maior, e a quantidade de água no cocô que foi retido (voluntariamente ou por outro motivo qualquer) é menor. A água é absorvida do bolo fecal quando ele passa pelo intestino, assim, quanto mais tempo ele ficar retido antes de ser eliminado, mais seco ele vai ser. Sobra 1/4 de matéria sólida, do qual cerca de 1/3 é composto de bactérias mortas. Esses microcadáveres vêm da flora intestinal de microrganismos que nos auxiliam na digestão da comida. Outro 1/3 da massa é feita de coisas que são indigeríveis para nós, como celulose, por exemplo. Este material indigerível é chamado "fibra", e auxilia o bolo na sua passagem ao longo do intestino, talvez porque provoca tração. O restante dá 10 a 20% de gorduras, 20% matéria inorgânica (como sais, fostatos, etc.) e 2 a 3% de proteína.

Por que o cocô é marrom?

A cor vem principalmente da bilirrubina, um pigmento que resulta da destruição das células vermelhas do sangue no fígado e na medula óssea. O verdadeiro metabolismo da bilirrubina e seus produtos no corpo é muito complicado, então diremos simplesmente que muitos deles vão parar no intestino, onde são modificados mais um pouco pela ação bacteriana. Mas a cor por si mesma vem do ferro. O ferro na hemoglobina das células vermelhas do sangue dá ao sangue a sua cor vermelha, e o ferro na bilirrubina, como metabólito, resulta na cor marrom.

Quais outras cores de cocô são possíveis?

O cocô normalmente varia em tons de barrom ou amarelo, mas outras cores podem surgir sob certas circunstâncias. Por exemplo, alguém com uma úlcera que esteja sangrando pode fazer cocô bem preto, por causa da presença de sangue semidigerido. Sangramentos no intestino, de uma fissura anal, por exemplo, podem corar o cocô de vermelho. Algumas doenças em nenês podem provocar cocô verde ou até mesmo azul-esverdeado. Mas outra fonte de cocô azul em crianças é mais inocente: pode resultar da ingestão de grandes quantidades de comida com corante azul, como sorvete. Corantes vermelhos intensos podem produzir cocô vermelho-claro. Às vezes comida claramente corada passa pelo sistema digestivo quase inalterada, e a massa pode vir misturada a pequenos fragmentos vermelhos de pimenta, ou grãos amarelos de milho. As pessoas também podem apresentar cocô branco, depois de consumir um milk-shake de bário para fazer um raio-x do trato gastrointestinal.

Por que o cocô de passarinhos é branco?

Diferente dos mamíferos, as aves não urinam. Seus rins extraem os metabólitos nitrogenados da corrente sangüínea, mas ao invés de excretá-las como uréia dissolvida na urina como nós fazemos, eles excretam na forma de ácido úrico. O ácido úrico tem uma solubilidade muito baixa em água, então ele sai do corpo como uma pasta branca. Este material, assim como o que sai dos intestinos, sai pela cloaca. A cloaca é um buraco multi-uso para os pássaros: suas sobras saem por ela, eles fazem sexo colocando as cloacas juntas, e as fêmeas põem ovos através delas...

Existem pessoas que comem cocô?

Sim, todos nós um dia fizemos isso, de uma forma ou outra. Uma das principais formas pelas quais doenças e parasitas se propagam é através de água e alimento contaminados com fezes. Isso acontece porque as pessoas não lavam suas mãos direito depois de evacuar ou de trocar fraldas, ou ainda depois de coçar a bunda. Isso também pode acontecer por causa do manuseio inadequado de fraldas, inclusive seu descarte. Mas, lógico, o que você realmente quer saber é se existem pessoas que comem cocô de propósito? A resposta é sim. Algumas crianças autistas praticam a coprofagia, que é a ingestão de fezes. Coprofagia também é listada como uma prática sexual não muito comum.

Como é que quando você come milho, não importa o quanto você mastigue, você caga grãos inteiros?

Cocô com milho é um dos grandes mistérios da vida. Milhares de pessoas crescem se fazendo exatamente a mesma pergunta. Ok, a teoria é a seguinte: quando você masca o milho, o revestimento mais externo libera o grão mais interno. O revestimento externo, amarelo, é quase que totalmente celulose, e é indigerível. Ele passa pelo intestino inteiro intocado, e sai parecendo um grão inteiro, apesar de ser somente a parte externa. O interior do grão é de amido e diferível, e essa é a parte que conseguimos de fato comer.

Existe alguma maneira de fazer com que o milho não saia no seu cocô?

Claro. Não coma milho.

DEFINIÇÕES de Cocôs

  • FANTASMA: Aquele que você sente sair, mas não vê nenhum cocô na privada.
  • LIMPO: Aquele que você faz, vê na privada, mas não fica nada no papel.
  • MOLHADO DEMAIS: Aquele que você limpa 50 vezes e ainda se sente sujo, então você tem que pôr papel higiênico entre sua bunda e roupa de baixo para não arruiná-la com uma "coloração".
  • SEGUNDA LEVA: Isso acontece quando você acabou de fazer e já puxou as calças até os joelhos, e somente então percebe que precisa fazer mais um pouco.
  • PROVOCADOR DE DERRAME: Aquele que você se esforça tanto para fazer sair que quase estoura as veias da cabeça.
  • LINCOLN LOG: Aquele que é tão gigante que você tem medo de dar a descarga antes de quebrá-lo em pedaços menores com a escova da privada.
  • GASOSO: Tão barulhento, que qualquer um que consiga escutar dá uma risadinha.
  • DE BÊBADO: Aquele que você faz na manhã seguinte depois de uma noite de bebedeira. Sua característica mais forte são as marcas de deslizamento que deixa no fundo do vaso.
  • COM MILHO: (auto-explicativo)
  • ORRA-EU-QUERIA-CONSEGUIR-CAGAR: Quando você vai ao banheiro, mas tudo o que consegue fazer é sentar e peidar algumas vezes.
  • NÁDEGAS ÚMIDAS: (A cagada poderosa). O que sai da sua bunda tão rápido que bate com força na água e suas nádegas se molham.
  • LÍQUIDO: Quando o líquido marrom-amarelado sai e espirra no vaso inteiro.
  • MEXICANO: Fede tanto que seu nariz chega a queimar.
  • DE CLASSE SUPERIOR: O que não tem odor.
  • COCÔ-SURPRESA: Você não está no vaso porque acha que vai só peidar mas... ops...
  • COCÔ!!! O cocô trapezista!: O que se recusa a cair no vaso apesar de você saber que acabou de fazê-lo. Você só torce para que uma chacoalhada ou duas faça com que ele se desprenda.

  • FATOS sobre Peidos

    Por que peidos fazem barulho?

    Os sons são produzidos pela vibração da abertura anal. O som depende da velocidade da expulsão do gás e de quanto estreita for a abertura dos músculos do esfíncter anal.

    Quanto tempo demora até que o peido chegue até o nariz de alguém?

    Isso depende das condições atmosféricas como umidade e velocidade do vento, e da distância entre as pessoas também. Os peidos também se dispersam, e sua potência diminui com a diluição. Geralmente, se o peido não for percebido dentro de alguns segundos, ele vai ser diluído demais para ser percebido e perdido na atmosfera para sempre. Condições excepcionais existem quando o peido é liberado numa área pequena e fechada como um elevador, um quarto pequeno ou um carro, porque essas condições limitam a quantidade de diluente possível (ar), e o peido vai permanecer numa concentração perceptível por mais tempo, até que se condense nas paredes.

    É verdade que algumas pessoas nunca peidam?

    Não, se elas estiverem vivas. Pessoas podem peidar até mesmo um pouco depois de mortas.

    Até estrelas de cinema peidam?

    Sim. Assim como avós, padres, reis, príncipes, cantores de ópera, misses e freiras. Até o Yoda peida.

    Um peido é mesmo só um arroto que saiu pelo lado errado?

    Não, um arroto vem do estômago e tem composição química diferente de um peido. Peidos têm menos ar atmosférico e mais gases produzidos por bactérias.

    É possível acender um fósforo com um peido?

    Não, a menos que o peido tenha a consistência de uma lixa. Além disso, peidos têm a mesma temperatura do corpo quando saem, e essa temperatura não é suficiente para iniciar uma combustão.

    Tartarugas peidam?

    Sim, tartarugas peidam, e os peidos cheiram incrivelmente mal, assim como peidos de cobras. Na verdade você pode identificar a presença de um réptil pelo cheiro do seu peido antes mesmo de vê-lo.

    Cheirar peido deixa chapado?

    Não se conhecem agentes intoxicantes na flatulência. Entretanto, a maior parte dos peidos contém muito pouco oxigênio e você pode ficar tonto se inalar uma quantidade superconcerntrada de essência de peido, simplesmente por falta de oxigênio. E se você está respirando rápido perto do peido para cheirar o mais possível, pode ficar tonto por causa de hiperventilação, não do peido.

    Coisas Para Dizer Depois De Peidar

    • "Fale comigo, oh, Senhor dos Sem-Dentes! Oh, Senhor dos Sem-Dentes! Sua voz mudou mas seu hálito não!"
    • "É aquele cuzão falando atrás de mim de novo!"
    • "Ops! Perda momentânea de pressão na cabine!"
    • "Fale, cuzão. Não faça merda!"
    • "Um beijo pra vocês!"
    • "Não se preocupem - tem pra todo mundo!"
    • "Hum, alguém pisou num pato."
    • "Reza por tu alma porque tu cuerpo ya esta podrido."
    Adaptado daqui e daqui.