Room Of Angel

Silent Hill

Composição: Akira Yamaoka

You lie, silent there before me.
Your tears, they mean nothing to me,
The wind howling at the window,
The love you never gave,
I give to you,
Really don't deserve it,
But now, there's nothing you can do.
So sleep, in your only memory
Of me, my dearest mother...

Here's a lullaby to close your eyes.
[Goodbye]
It was always you that I despised.
I don't feel enough for you to cry, [oh well]
Here's a lullaby to close your eyes,
[Goodbye],
[Goodbye],
[Goodbye],
[Goodbye].

So insignificant, sleeping dormant deep inside of me,
Are you hiding away, lost, under the sewers,
Maybe flying high, in the clouds?
Perhaps you're happy without me...
So many seeds have been sown in the field,
And who could sprout up so blessedly,
If I had died I would have never felt sad at all,
You will not hear me say 'I'm sorry'
Where is the light, wonder if it's weeping somewhere?

Here's a lullaby to close your eyes.
[Goodbye]
It was always you that I despised.
I don't feel enough for you to cry, [oh well]
Here's a lullaby to close your eyes,
[Goodbye],

Here's a lullaby to close your eyes.
[Goodbye]
It was always you that I despised.
I don't feel enough for you to cry, [oh well]
Here's a lullaby to close your eyes,
[Goodbye],
[Goodbye],
[Goodbye],
[Goodbye].

Here's a lullaby to close your eyes.
[Goodbye]
It was always you that I despised.
I don't feel enough for you to cry, [oh well]
Here's a lullaby to close your eyes,
[Goodbye],

Here's a lullaby to close your eyes.
[Goodbye]
It was always you that I despised.
I don't feel enough for you to cry, [oh well]
Here's a lullaby to close your eyes,
[Goodbye],
[Goodbye],
[Goodbye],
[Goodbye].

Quarto Do Anjo

Você mente silenciosamente, bem diante de mim.
Suas lagrimas, não me significam nada.
O vento, assoviando na janela.
O amor, que você nunca deu.
Eu dou a você.

Realmente não o merece.
Mas agora, não há nada que você possa fazer.
Então durma, em sua única memória de mim.
Minha mais querida mãe.

(Refrão)
Está aqui uma canção de ninar para fechar seus olhos "adeus".
Era sempre você que eu desprezava.
Eu não sinto o bastante por você pra chorar "oh, bem".
Está aqui uma canção para fechar seus olhos "adeus".
Adeus...
Adeus...

Tão insignificante, dormindo profundamente dentro de mim.
Você esta se escondendo perdido
abaixo dos esgotos?
talvez voando alto nas nuvens.
Quem sabe você é feliz sem mim.

tantas sementes foram semeadas no campo.
Em quem pode brotá-las tão abençoadamente,
se eu tivesse morrido?
Eu nunca teria me sentido triste.
Você não vai me ouvir dizer, eu sinto muito.
Aonde está a luz?
me pergunto se está chorando em algum lugar.

(Refrão)
Está aqui uma canção de ninar para fechar seus olhos "adeus".
Era sempre você que eu desprezei.
Eu não sinto o bastante por você pra chorar "oh, bem".
Está aqui uma canção para fechar seus olhos "adeus".

(Refrão)
Está aqui uma canção de ninar para fechar seus olhos "adeus".
Era sempre você que eu desprezei.
Eu não sinto o bastante por você pra chorar "oh, bem".
Está aqui uma canção para fechar seus olhos "adeus".
Adeus...
Adeus...